Barra de Menus

domingo, 19 de janeiro de 2014

Não durma fora de casa... nem no sofá!

Não importa o que ele fez de errado. E nem o que ELA fez. A regra é: nunca durma fora de casa.


Se uma das partes ta chateada e não foi possível resolver uma questão desentendida naquele dia, vire cada um pro seu lado e vá dormir... na mesma cama. Há um ensinamento que diz "Nunca vá dormir com o coração irado, magoado, rancoroso, porque a Bíblia diz que antes do sol se pôr é preciso perdoar". Ok, ok. Mas e se você preferir se calar a falar algo de cabeça quente e se arrepender depois? Não seria melhor ir dormir e esperar a poeira baixar?

 

Então. Mas o que não vale é ir pra casa dos outros, pro bar, ou sequer dormir no sofá. Você escolheu se casar e o casamento não é feito só de momentos bons. O casamento é estar junto mesmo quando a coisa tá feia. É dormir desconfortável se não tiver jeito, por sentir o conjugue tão perto e não querer encostar nele (a).



Eu e o maridón, quando ocorre essa situação, procuramos resolver no dia seguinte quando o dia anterior acaba mal. Só pra não ter que dormir duas noites ao lado de quem se ama sem poder abraçá-la ou dar beijo de boa noite.


  
É chato, mas dormir fora, ou ir pro bar ou pro sofá, não vai consertar as coisas entre vocês. É o desconforto da distância entre os dois na cama que ajuda a estabelecer uma conversa no dia seguinte.
 

 

Faz o teste  =)